terça-feira, 29 de março de 2011

2010 - Wanderson Lopez - Poemas Brasileiros


Deveria usar este espaço para listar os méritos artísticos deste disco. Mencionar o bom gosto das composições, as melodias envolventes, as participações bem encaixadas, o talento do violonista, o cuidado com detalhes da produção, o carinho estampado nas páginas do encarte etc... mas não é disso que quero falar. Ouço o disco e tento encontrar o que há por trás das composições. O desejo de expor sentimentos com instrumentos e notas músicais. Tenho a impressão de escutar algo mais por trás de palavras usadas nos títulos das faixas. "Saudade", "casa", "abrigo", "sonho", "memória", "quando", "mães", "encontra", remetem a resquícios afetivos parecidos com os meus e acabo por tentar traduzir a busca do artista amigo. Em meio à solidão que insiste em habitar-me, criei este humilde blog. Assim como Drummond, preciso de todos, por isso me exponho cruamente na blogosfera. Wanderson Lopez fez este disco e encontrou Abrigo nos ouvidos de seus fans. Fico com a impressão de que o trabalho do artista é traduzir em palavras, sentimentos, cores, timbres, acordes ou seja lá o que for, a inquietação que pulsa dentro dele e a partir daí, dissipar a solidão existente dentro de nós.


01 - Poema
02 - Brasileiro
03 - Saudade a tróis
04 - Abrigo 1
05 - Abrigo 2
06 - Casa de Baden
07 - Jongo
08 - O sonho do menino
09 - Memórias de outono
10 - Trem
11 - Quando o rio encontra o mar
12 - Canção para as mães
13 - Poema (fantasia para 4 violões)

8 comentários:

Anônimo disse...

Eba!!! Quero ouvir...adorei o texto!

Ialê Cardoso disse...

Nao era pra ser um comentário anônimo...postei errado. ;)

Uma Música Por Dia disse...

valeu!

clara disse...

fotinha nova no blog?
assim a industria fonográfica from hell te acha...
vai ser preso, hein! pirataria é crime =P

Uma Música Por Dia disse...

Curtiu a fotinha nova, Clara?!
E pode ir cortando esse papinho... Bate na madeira aê! ;)
Na verdade, a indústria fonográfica precisa é se achar, mas isso é papo para uma dissertação de mestrado, doutorado, mesa de boteco ou qualquer coisa que o valha... rss

Renzo disse...

Eu voto no boteco...rsrsrs

Bia disse...

Muito bom o texto e melhor ainda o CD, gostei muito da sonoridade e afins. ÓTIMA INDICAÇÃO!

Uma Música Por Dia disse...

Bia, muito obrigado pelo elogio ao texto, confesso que escrevi de coração!
O CD do Wanderson é lindo demais, poderia até dizer que sou suspeito para dizer, mas a o disco todo ficou acima de qualquer suspeita! rs
Abraços e valeu!